terça-feira, 30 de novembro de 2010

Vai tudo correr bem, amiga!

Há meio ano fizera exames e estava tudo bem. Agora novos exames e... a resposta veio fulminante, arrasadora, sufocante.
Cancro da mama. Maligno? Benigno? Falta a biopsia e restantes exames...
Nestas alturas, só lembra o pior.

Ela está consciente da delicadeza da situação, preparada para as dificuldades que  poderão surgir, disposta a lutar com todas as forças pelo amor à vida e àqueles que mais quer.
Mas sofre logicamente, está apreensiva. Muito.

Impressionou-me a sua fé. "Deus sabe que me traz cá. Ele não me abandona, porque me ama apesar de eu não merecer. Entrego-me nas Suas mãos, com o compromisso de fazer a minha parte. Peço uma oração."

Vai tudo correr bem, amiga! Essa disponibilidade para lutar é fantástica. Essa confiança em Deus é contagiante. A  minha pobre oração, uma realidade.

Sem comentários:

Publicar um comentário

Nota: só um membro deste blogue pode publicar um comentário.