segunda-feira, 15 de abril de 2013

Automóveis - além e aquém das expectativas

Uma coisa é ver imagens na internet e ler opiniões, outra é observar ao vivo. Para tudo isto terá cabimento, também para os automóveis.
Gosto de automóveis. Eu que não gosto de conduzir nem tenho para tal dotes de eleição....
Mas procuro conhecer as novidades do ramo e estar minimamente a par do que vai acontecendo no mundo automobilístico.
Havia uma lista de carros que há muito queria ver ao vivo e sobre eles inteirar-me in loco. Não para comprar, mas para conhecer. Até porque muitos deles têm preços completamente proibitivos para as minhas posses. O contexto sócio-económico presente também não permite veleidades.
É minha opinião que o sacerdote não deixa de ser um honesto cidadão. Como tal, tem direito a ter um carro de que gosta. Mas compreendo que as pessoas também têm direito à indignação justa. Aparecer no meio da sua comunidade com "uma bruta máquina" pode marcar pessoas negativamente, mormente no âmbito da brutal crise que a todos afeta. Ao padre como aos crentes em geral pede-se um estilo sóbrio, marcado pela simplicidade e pela alegria. Não só nos carros, mas em tudo.
Há dias, um cavalheiro criticava indignadamente determinado padre porque "possuía um bruto mercedes, novinho em folha". Mas a mesma pessoa não se indignava com os "brutos telemóveis" que ele, a mulher e os filhos possuíam, as roupas de marca caríssimas que usavam, a "bruta vivenda" que possuíam, as contínuas idas ao café e aos restaurantes que faziam, o tempo e o dinheiro que gastava após o trabalho nas "tainas", etc, etc.
Somos assim. Sempre aptos a indignarmo-nos com o estilo de vida dos outros; sempre aptos a desculpar o nosso próprio estilo de vida.

Pois hoje eu e o Diác. Adriano tivemos  que ir a Viseu tratar de assuntos urgentes. Enquanto não chegava a hora de sermos atendidos em determinado serviço, aproveitámos para ver alguns automóveis. Não houve tempo para visitar tudo o que gostava, mas deu para observar alguns.
O Classe A, da Mercedes, excedeu as minhas expectativas. Bela máquina! Também gostei do novo Mercedes CLA e do novo mercedes c  220.
O novo Golf está muito bonito. Quem teve um Golf durante 13 anos, jamais pode esquecer este modelo...
Também Škoda tem um novo modelo muito interessante.
Um carrinho de que gosto muito é o novo Honda 1.6. Aqui não houve fuga às expectativas. Era o que eu supunha, tantos no que já admirava como naquilo de que não gostava tanto. Mas a sensação geral é muito positiva.
 O Range Rover Evoque  está lindíssimo.
Algumas deceções pessoais aconteceram com o novo Mercedes Classe E e com o Volvo V40. São bons carros, sem dúvida. Mas pelo que li e pelas imagens que havia observado, esperava mais.

Isto de carros, tem muito que se lhe diga. Um que a mim agrada pode ser uma deceção para outra pessoa. E ainda bem que não somos todos iguais nos gostos, "senão o mundo tombava para o mesmo lado".

Sem comentários: