quarta-feira, 6 de abril de 2016

Fiat que Papa usou em Nova Iorque rende 440 mil euros

Venda do papamóvel é uma oportunidade para dar continuidade às obras sociais da diocese de Nova Iorque, explica um porta-voz.

O automóvel que o Papa Francisco usou durante a sua visita a Nova Iorque, em 2015, foi leiloado e rendeu cerca de 440 mil euros para instituições católicas de caridade na cidade.
O empreendedor Miles Nadal admitiu ter comprado o Fiat 500 por 300 mil dólares, isto é, quase dez vezes mais do que o preço base de licitação.
Entre as instituições que vão receber fundos desta venda incluem-se escolas católicas geridas pela diocese, mas também a Catholic Relief Services, que presta apoio a pessoas em situação de risco social e económico, e a Catholic Near East Welfare Association, uma instituição dedicada a ajudar os cristãos nos países de leste e do Médio Oriente.
Um porta-voz da arquidiocese de Nova Iorque, Joseph Zwilling, descreve esta como uma “grande oportunidade para dar continuidade ao trabalho que o Papa Francisco realçou quando esteve aqui em Nova Iorque”.
Embora esta não tenha sido a primeira vez que um Papa visita a cidade, foi a primeira que o carro usado ficou para trás. “Os papamóveis voltam sempre para Roma quando a visita acaba, por isso esta é a primeira vez para nós e para quem tiver a sorte de ficar com o Fiat”, disse Zwilling, antes do leilão.
Fonte: aqui

Sem comentários: