terça-feira, 22 de maio de 2012

QUE SERIA DO MUNDO SEM O SÉCULO IV?

Cada instante é único. Mas há momentos que se tornam decisivos.
O século IV, por exemplo, foi absolutamente determinante para a história da Europa, da Humanidade e do Cristianismo.
Logo em 303, acontece a grande e cruel perseguição de Diocleciano contra os cristãos. O ambiente é pesado até 311.
Em 312, dá-se a batalha de Ponte Milvius, em que Constantino derrota Maxêncio.
Em 313, publica o famoso Édito de Milão em que concede liberdade religiosa.
Em 324, Constantino afasta Licínio e torna-se o único senhor do império romano.
O império romano passa a ser uma cristandade.
Que teria acontecido se as perseguições continuassem?
O Cristianismo não se extinguiria porque já Tertuliano anotara que «o sangue de mártires era semente de cristãos».
Mas a configuração do Cristianismo seria diferente.
Constantino libertou o Cristianismo da violência. Mas amarrou o Cristianismo a uma tutela: a do (seu) poder!
Fonte: aqui

Sem comentários: