domingo, 13 de setembro de 2015

Ano novo, vida nova




"Tenha em mente que tudo que você aprende na escola é trabalho de muitas gerações. Receba essa herança, honre-a, acrescente-a e, um dia, fielmente, deposite-a nas mãos de seus filhos." (Albert Einstein)


Esperança, alegria, desafio, coragem. Aristóteles dizia que «a coragem é a primeira das qualidades humanas, porque garante todas as outras».


A escola não pode ser um mero divertimento. Só para brincar ela não seria precisa. A escola é lugar de trabalho, de esforço, de conquista.


A escola é o oposto a má educação, indisciplina, grosseria. Disto a sociedade já tem demais. A escola é um apelo continuado à superação, à mútua ajuda, à humanização, à interiorização de valores, à disciplina que informa o correto crescimento da pessoa.


Os alunos não podem ser “passeadores de livros”, mas gente que aprende que a corda da vida se sobe a pulso. Estudar não é exploração de mão-de-obra infantil.


Escola não cola com desistência. Perante as dificuldades, muitos alunos desistem e não persistem. É preciso espírito de sacrifício, garra, vontade, empenho. Todo o aluno consegue se se aliar à coragem.


A escola não pode gerar clubes de fracassados, mas é chamada a despertar, motivar, incentivar. Dos vencidos não reza a História.


A escola não pode ser um espaço onde os pais despejam os filhos, entregando-lhe toda a responsabilidade educativa como se eles não fossem os primeiros educadores. A primeira escola e a mais importante é e será sempre a família. “Aquilo que o berço dá, a tumba o leva.”


A escola não é uma pista de competição, mas uma corrida de fundo onde cada um dá o que pode, sem comparações que reforçam o mais feroz egocentrismo. “Quem dá o que pode, a mais não é obrigado.”


Que a coragem marque o ano escolar que agora arranca. Que este novo ano seja o desafio para vencer. Que escola, família e sociedade saibam tecer uma teia de mútua ajuda, dentro do respeito pelas competências próprias. Que crianças, adolescentes e jovens, seja qual for o grau de ensino, partam, corajosos e senhores, em busca do sucesso cujos atores principais só podem ser eles. Que nunca se escondam atrás do palco da vida.


Bom ano para todos!

In Sopé da Montanha

Sem comentários: