sábado, 20 de dezembro de 2014

Natal: substituamos a adversativa pela copulativa


Também o Natal está cheio de adversativas. Muitas pessoas visitam os familiares, «mas» não vão à Igreja. Participam na consoada, «mas» não na Missa. Relevam o Pai Natal, «mas» não o Menino Jesus.
Porque não substituir a adversativa pela copulativa? Era bom que as pessoas visitassem os familiares «e» fossem à Igreja. Que participassem na consoada «e» na Missa. Que figurassem o Pai Natal «e» o Menino Jesus.
Afinal, é o Seu nascimento que celebramos. E foi Ele próprio que introduziu a relação entre o Céu «e» a Terra, entre o Tempo «e» a Eternidade, entre o Homem «e» Deus.
Já chega de adversativas, de exclusivismos, de exclusões. Jesus não exclui nada. Jesus inclui tudo. Ele é para todos. Ele é para sempre.
Um santo Advento e um feliz Natal. Especialmente para si!
(Texto de João António Teixeira)

Sem comentários: