segunda-feira, 21 de abril de 2014

Vês e ouves, Maria? O medo e a morte já nada valem

"Não temais.
Ide avisar os meus irmãos que partam para a Galileia.
Lá me verão.”
Mt 28, 1
 
- Maria, não chores mais! Já se vê o alvor da aurora.
Pega nos perfumes, vamos ao túmulo!
Nenhuma dor vai impedir-nos de ungir o corpo de Jesus.
- Não consigo ainda acreditar que Ele morreu.
Parece-me um pesadelo de que vou acordar e vê-l’O de novo.
A sorrir para nós, como se nos tivesse feito uma partida!
- Também a mim me parece um sonho… mas sofreu tanto!
Corramos, não deixemos que o sol se levante antes de chegarmos!
 
E correram. A chorar um morto que tinha dado tanta vida.
A não tocar a ferida do sonho da vida nova que Ele tinha semeado.
E contudo, uma faísca de esperança parecia instalar-se no coração.
Ele tinha resuscitado mortos. Podia talvez fazer o mesmo… agora!
E veio o tremor de terra, a pedra removida, e um anjo a falar-lhes…
 
- Maria, escutas o mesmo que eu? Vês o mesmo que eu?
- Vejo e escuto, mas não entendo! Jesus tinha dito, mas como acreditar?
Que é ressuscitar? E porque não nos aparece Ele?
- Vamos dizer aos outros? E se não acreditarem? Ai, Maria, isto é tudo novo!
- É novo e parece impossível. Como os seus gestos transbordantes de amor.
Como as palavras que nos recriavam por dentro. É novo e faz-nos novos!
- Corramos. Tenho uma fogueira dentro de mim que preciso partilhar!
 
E correram. Com a alegria a inundar-lhes o corpo e alma.
A sentir curadas as feridas, e os pés quase a não tocarem no chão.
Capazes de ir aos confins do mundo dizer esta bela notícia.
E Jesus saiu ao seu encontro. Abraçaram-lhe os pés. Escutaram…
 
- Vês e ouves, Maria? O medo e a morte já nada valem.
- Vejo, ouço e toco! É Jesus, e somos com Ele. Chamou-nos irmãos?
Que mundo novo nos pede para construir? Tudo sabe à frescura do princípio.
- É um novo princípio que nos põe no coração e nas mãos.
Corramos! É preciso dizer que só o amor vence todas as mortes!
 
E correram. E continuamos a sua corrida! Nos passos ardentes de cada um! 

P. Vítor Gonçalves

Sem comentários: