quinta-feira, 31 de outubro de 2013

Há, por parte das pessoas, uma certa ambiguidade entre as celebrações correspondentes ao dia 1 de novembro (Todos os Santos) e ao dia 2 de novembro (Fiéis Defuntos).


1. Um de novembro, é  Solenidade de Todos os Santos

 
A Igreja católica honra todos os santos, conhecidos e desconhecidos. É um dia em que aproveita para recordar que a santidade não está “reservada a uma elite” e que todos os homens são chamados à santidade.
Como é do conhecimento de todos, a Santa Sé condescendeu com o pedido do Governo Português de suspender o feriado do dia 1 de Novembro.
 Mas esta solenidade, mesmo quando caia em dia útil de trabalho, mantem-se o preceito festivo.
--
2. Dois de novembro, Comemoração de Todos os Fiéis Defuntos
 
Novembro é o "Mês das Almas", na devoção popular. Mas neste mês, existe um dia de grande significado. É o dia 2, Comemoração de Todos os Fiéis Defuntos.
Saudade, gratidão, esperança e oração perpassam pelos corações.
O melhor túmulos dos mortos é o coração dos vivos. As pessoas queridas que partiram permanecem no nosso coração. E daí não há morte que as tire.
Lembrámos, gratos, tudo o que de bom e belo recebemos dos que já partiram. A gratidão é a memória do coração.
Dia em que sentimos, como crentes, a beleza imensa que emerge da Ressurreição de Cristo. Cristo ressuscitou e nós ressuscitaremos com Ele. Assim não vivemos para morrer, mas morremos para viver.
Se as flores murcham, se as lágrimas secam, se as velas se derretem, a oração recolhe-a Deus.  Então na comunhão dos santos em Cristo, rezemos a Deus pela paz e vida eternas dos que já partiram.

Mas ia-se ao cemitério em 1 de novembro. Porquê?


Liturgicamente, o ida da visita ao cemitério é 2 de novembro. É nesse dia que comemoramos os Fiéis Defuntos.
Como até ao ano passado o dia 1 de novembro foi feriado e assim as pessoas estavam mais disponíveis, muitas comunidades realizavam neste dia a visita ao cemitério.
Não é o caso atualmente. Um de novembro já não é feriado.
Então a visita ao cemitério terá que realizar-se de acordo com as indicações das dioceses, tendo em conta a real situação das pessoas e do calendário.

Na comunidade tarouquense, este ano a visita ao cemitério acontecerá em 2 de novembro (sábado).
Procissão sai da Igreja às 16 horas, seguindo-se a Missa no cemitério. Caso chova, então a Missa será na Igreja às 17 horas.

Sem comentários: