sexta-feira, 9 de dezembro de 2016

Pois, pessoas doentes...

Há quem faça tudo por abrir brechas, cavar trincheiras, construir muros.
E uma forma de o fazer é insinuar, insinar, insinuar... Recorrendo ao boato, ao "diz-se, diz-se"...
Há quem não procure a informação correta, porque o que lhe interessa é espalhar poeira, armar confusão, semear divisão.
Tanto no mundo real como no virtual.
São pessoas doentes!
Vale que tais mensageiros são conhecidos e já ninguém lhes liga. Exceto os que sofrem da mesma doença.



Sem comentários: