quinta-feira, 22 de outubro de 2015

Site de relacionamentos só para católicos

Plataforma quer ajudar católicos a encontrar par para casar.
Marta e António Pimenta de Brito são o casal criador do 'Datescatolicos'



Chega esta quinta-feira a Portugal o primeiro site de relacionamentos só para católicos. A plataforma Datescatolicos fica online às 12h00 e foi criada por Marta e António Pimenta de Brito, um casal português que pretende ajudar todos os católicos que procuram uma cara-metade para casar.

Marta, de 33 anos, e António, de 34, conheceram-se em 2010 depois de Marta pedir a uma amiga para lhe ajudar a arranjar um marido. Acabaram por ficar noivos em março do ano seguinte e casar em julho. Inspirados na própria história, querem agora ajudar todas as pessoas que querem casar mas ainda não encontraram o par perfeito.

"Há muita gente que quer casar e não encontra ninguém. Temos recebido mensagens de pessoas de idade viúvas ou divorciadas, mas a grande maioria são jovens solteiros", revelou Marta Pimenta de Brito ao Correio da Manhã.
Veja o site de relacionamentos só para católicos
Inscrição implica questionário de inspiração cristã
Quem quiser inscrever-se no Datescatolicos tem de pagar uma inscrição de cinco euros mensais e responder a um questionário de inspiração cristã. As perguntas serão relacionadas com os valores de cada um.

"O valor da inscrição e o questionário servem de proteção mas também são necessários por ser uma plataforma complexa e muito moderada. O que está por trás a nível técnico é muito dispendioso", explicou a criadora do site.

No perfil, cada utilizador poderá dizer qual é a cor dos olhos, a altura, publicar várias fotos e até partilhar com os restantes utilizadores quais são os santos que mais o inspiram. Apesar de ainda não estar online, a plataforma de relacionamentos só para católicos já tem mais de 1200 pessoas interessadas.

Para o futuro, o casal planeia organizar encontros offline entre os utilizadores do site. Segundo os exemplos que têm de outros países em que a ideia já foi colocada em prática "há até quem arranje padrinhos de casamento entre utilizadores do site que acabam por tornar-se amigos".

Conhecer católicos de outros países
O facto de já existirem sites como este na Alemanha – país pioneiro tem
plataforma de relacionamentos católicos há 10 anos –, Suíça, Áustria, Croácia, Hungria, Letónia, Lituânia, República Checa, Eslováquia e Eslovénia vai possibilitar que os utilizadores portugueses possam encontrar par romântico no estrangeiro.

"Basta escolherem ficar visíveis para utilizadores de outros países", acrescentou Marta Pimenta de Brito.
Fonte: aqui



Sem comentários: