quarta-feira, 20 de maio de 2015

É tempo de os pais e as mães saírem do seu exílio

(Lusa)


- “É tempo que os pais e as mães saiam do seu exílio - porque se autoexilaram da educação dos filhos -, que regressem do seu exílio e assumam de novo plenamente o seu papel educativo”


- AOS PAIS SEPARADOS: "nunca, nunca tomeis o filho como refém!"


- PACTO EDUCATIVO: Inversão de papéis


- Espírito Santo e as Famílias


Veja aqui

Sem comentários: