segunda-feira, 26 de fevereiro de 2018

O Alentejo sabe a liberdade


Há 5 locais  deste nosso país que me encantam, seduzem, elevam. O Minho, o verde das suas paisagens, a alegria das suas gentes. O Alto Douro, os seus vinhedos suspensos pelos encostas do Douro a quem parecem fazer eterna continência. Lisboa, a cidade encantada. O Alentejo, a amplitude das suas paisagens, a planície, o silêncio, a especificidade das suas gentes. ´Na planície alentejana, a liberdade ressoa por todos os poros. Absolutamente deslumbrante! A Serra de Santa Helena. Ai, Santa Helena, só de recordar, parece que uma onda magnética me envolve e eletriza... Única a vivência da fé naquele lugar. Eloquente o silêncio falante da Serra. Fascinante a paisagem que de lá se vislumbra.
Nesta semana, em que a Cáritas celebra semana nacional centrada na pobreza e cuidado da natureza, combatamos a pobreza humana e a degradação paisagística. Para que a natureza nos possa continuar a encantar, elevando-nos. Para que a dignidade humana seja um prato servido na mesa da vida de cada pessoa.

Sem comentários:

Enviar um comentário